Pesquise no Flamengo Eternamente

Pesquisa personalizada

sábado, 6 de setembro de 2014

CHURRASQUINHO DE URUBU

O que o Grêmio fez com o Flamengo, neste sábado, no Maracanã, quando nos venceu por 1 x 0, foi simplesmente um churrasquinho.

Isso mesmo, eles nos cozinharam o tempo todo, em fogo brando, gastando o máximo de tempo que podiam, torcendo por uma bola vadia, que quase chegou a acontecer no primeiro tempo, não fosse uma defesa magistral do Paulo Víctor.

Em toda a minha vida de Maracanã, posso garantir que foi uma das dez maiores defesas que vi um goleiro fazer no estádio. Assista.


A bola estava, como se diz, "lá dentro". Num extraordinário vôo de costas, o PV tocou para escanteio.

O Flamengo estava meio desarrumado, mas chegou a dar trabalho ao Grêmio, principalmente no segundo tempo, quando teve algumas oportunidades de marcar.

Não o fez simplesmente por causa do tal daquele "último passe" de que tanto falo.

Fora um quase gol de bicicleta, o Alecsandro não fez mais nada no jogo e se deixou marcar com facilidade.

O Vanderlei ainda tentou melhorar as coisas, tirando o intrépido e inoperante Arthur e colocando o Eduardo.

Tirou o Mugni, que não acertou nada e colocou o Gabriel, que não sabia direito onde se colocar em campo.

Ficou evidente que a velocidade do Everton, suspenso, fez muita falta.

A única jogada que tínhamos, para variar, era sair pela direita com o Leonardo Moura, que jogou bem, mas não o suficiente para levar o time nas costas.

Enquanto o tempo corria, os gaúchos iam preparando o seu churrasquinho de urubu, que acabou com o gol marcado no finalzinho.

Não dá para entender como uma defesa deixa um atacante, que não é lá essas coisas, passar por quem quisesse e como quisesse, até finalizar.

Pareciam um bando de patetas!

Agora eu pergunto: porque o Luxemburgo insiste em manter o Samir no banco?

É um dos melhores zagueiros do Brasil.

Ainda bem que marcamos pontos importantes antes de perdermos para um time de ponta, mas o Corinthians vem aí. Nos enfrentaremos domingo, no Maraca (é nosso).

Antes, porém, tem o Goiás, na quarta-feira, na Arena Pantanal.

PASCHOAL AMBRÓSIO FILHO   

Nenhum comentário: