Pesquise no Flamengo Eternamente

Pesquisa personalizada

domingo, 7 de dezembro de 2014

O QUE NOS RESERVA O FUTURO?

Último jogo de 2014.

Porto Alegre, domingo, dia 7 de dezembro, popular HOJE.

Calorão de 35 graus e Flamengo (só com reservas) e Grêmio, altamente desinteressados, dentro de campo.

Só podia dar no que deu. 

Um joguinho chato e chinfrim, que terminou empatado em 1 x 1.

O que será do Flamengo em 2015?

O que nos reserva o futuro?

Levando-se em consideração a "filosofia" de nossa diretoria, teremos mais um ano com um time ruim, que, num joguinho aqui, outro ali, poderá nos dar algumas poucas alegrias.

Igualzinho 2013 e 2014.

O negócio é pagar as dívidas (isso na cabeça da cartolagem).

Esquecem, às vezes, que dirigem um clube de futebol, com a maior torcida do mundo.

Dentro de campo, devem contratar alguns jogadores fraquinhos e outros medianos.

Uns serão verdadeiras piadas, que nos deixarão fulos de raiva.

Com certeza, "empresários amigos" devem encaixar alguns de seus pupilos na Gávea.

Um ou outro poderá dar certo.

Craques consagrados? Duvideodó, como diria a minha avó.

Só não tenho pena do Luxemburgo porque ele ganha muito bem para ocupar o cargo que ocupa. Mas que o Pofexô vai se aborrecer um bocado, disso não tenho dúvida.

A Nação merece ser feliz
Tenho pena é da Nação, que deve sofrer mais um ano, arrancar os cabelos pelas raízes.

A Nação merece um time digno de vestir o Manto Sagrado.

Bem, não quero ser totalmente sombrio e negativista. 

Espero, com sinceridade, queimar a língua.

Além do mais, existe uma esperança.

Em 2015, terá eleição no Flamengo.

Ou os atuais dirigentes armam um bom time, apesar das dívidas (que eu acho que devem ser honradas), ou correm o risco de perder a eleição.

Títulos em 2015?

Talvez o bi do Cariocão.

Campeonato Brasileiro? É provável que tenhamos que fazer contas desde a primeira rodada, para ficar longe da "confusão".

Vamos torcer para que, hoje, eu só tenha escrito besteiras aqui no meu cantinho e que Papai Noel e São Judas Tadeu nos reservem boas novidades.

Feliz Ano Novo!

Se houver algum assunto rubro-negro digno de ser comentado, volto a escrever.

Senão, só apareço por aqui lá para o dia 5 de janeiro!

Saudações rubro-negras, Mulambada!

PASCHOAL AMBRÓSIO FILHO   

Nenhum comentário: