Pesquise no Flamengo Eternamente

Pesquisa personalizada

sábado, 18 de julho de 2015

DAVA PARA SER GOLEADA

O Flamengo venceu o Grêmio, por 1 x 0, neste domingo, no Maraca (é nosso).

O gol foi do Guerrero. O terceiro dele em três jogos.

O cara tá com estrela.

Apesar do time não ter jogado bem, mais uma vez, dava para termos goleado os gaúchos, se apertássemos mais na marcação, errassemos menos passes e o goleiro Marcelo Grohe não tivesse feito duas ou três defesaças.

Poderia ter sido 3 x 1 ou 4 x 1 para nós, que não seria nenhuma surpresa.

A torcida apoia o time, mas não confia.

Tanto que, aos 45 minutos do segundo tempo, pedia para o juiz terminar o jogo, já que o Grêmio começou a atacar com perigo.

Sinceramente? Vendo a nossa torcida desesperada, pedindo para o jogo acabar, me senti um botafoguense...

Sheik e Everton, pra variar, jogaram bem.

Sem falar no lateral-esquerdo Jorge, que virou o xodó da torcida. Eficiente demais, só que poderia quer apoiado mais o ataque na partida de hoje.

Guerrero: três jogos e três gols.
Guerrero esteve muito isolado na frente, sempre com dois ou três na marcação, e apanhando bastante.

Não dá para ele fazer nada sozinho.

Só Guerrero não vai resolver nosso problema.

O Flamengo não tem jogada, esquema tático, não tem nada.

A melhor jogada do Flamengo é o abafa, cruzando na área adversária.

Cria-se o tumulto, o bate-rebate e acabamos fazendo o gol.

Foi assim o gol do Guerrero.

Bem, pelo menos, pela segunda vez neste Brasileirão, não levamos gol num jogo.

Mas que o time ainda está lento e desarrumado, isso está. 

Ainda precisamos de um 10.

Estamos com 16 pontos. Só faltam uns 29 ou 30 pontos para não caírmos.

Domingo, dia 26, às 16 horas, enfrentamos o Goiás, lá no serra Dourada. Em casa, os goianos costumam complicar a vida dos outros.

PASCHOAL AMBRÓSIO FILHO   

Nenhum comentário: