Pesquise no Flamengo Eternamente

Pesquisa personalizada

segunda-feira, 28 de setembro de 2015

EURICO VOTA EM BANDEIRA DE MELO


Que ridículo, viramos fregueses de nossos fregueses.

Os Brasileiros reelegeram Dilma, hoje, amplamente divulgado pela imprensa, se arrependem amargamente.

Será que o eleitor rubro-negro tem coragem de reeleger essa incompetente diretoria, no que tange ao futebol, que é o carro chefe do clube?

Diretoria que despreza o sócio proprietário, e exige que para ter qualquer vantagem tem que se tornar sócio torcedor, mesmo esse tendo gasto muito dinheiro em comprar um título, mas essa diretoria nem está ai para isso, ignora.

Só que eles esquecem de uma coisa: SER TORCEDOR DO fLAMENGO, COM ELES DIRIGINDO É MUITO DIFÍCIL, POR QUE NÃO CONHECEM NADA DE FUTEBOL.

O Vasco já pode ser rebaixado, porque seu presidente, este ano, disse que o Vasco perde para todo mundo, menos para o flamengo. Jogar com flamengo é um campeonato a parte. 

O respeito voltou.

Parecia que o negócio era combinado.

Hoje chego a grande conclusão que EURICO É BANDEIRA.

EURICO VOTA EM BANDEIRA.

E ainda vendo Jorginho e Zinho, vibrando com seu trabalho, em derrotar o flamengo.

O flamengo com essa diretoria é tão frágil, que até seus ex-jogadores fazem questão de ganhar deles e vão ao delírio com isso.

Zinho já desrespeitou o flamengo, ainda como jogador, que preferiu o Grêmio ao flamengo, que disse que o Grêmio estava na Libertadores e o flamengo não. Posteriormente fez o mesmo, preferindo o Palmeiras.

O Jorginho quando técnico do Figueirense, numa entrevista, quando lhe perguntaram como se sentia jogando contra o clube que o projetou, foi categórico em dizer: “Não lembro ter jogado la”

Interessante, que depois que forem mandados embora do Vasco, chegam para o flamengo com humildade, dizendo ser rubro-negro e tem muito a fazer pelo clube. E ainda jogam no time de veteranos do flamengo. Mas na hora do jogo contra, esquecem e desrespeitam mesmo.

Não deveriam nem entrar mais na Gávea.

Quanto ao jogo, não me venham dizer que estava jogando bem contra o Coritiba, perdeu. Estava jogando bem contra o Atlético, foi goleado. E agora estava jogando bem contra o Vasco e levou uma virada histórica.

Que flamengo é esse?

Já começo a questionar o Oswaldo, a quem aqui mesmo disse acreditar nele. Mas não consegue mudar o jogo.

Neste jogo mudou o mediano Paulinho pelo fraquíssimo Cirino, enfim trocou seis por meia dúzia, não alterou a maneira de jogar do time. Mantém o caro Guerrero, que não consegue ganhar nenhuma bola, e não tenta o razoável Kaike.

A bola na nossa zaga, é um desespero, dá medo, ver Cesar Martins dá chutões e Samir agarrando os adversários na área.

No ataque, não ganhamos uma bola alta na área do adversário. Não chutamos em gol.
Como exemplo posso citar: Qual foi a defesa que o goleiro do Vasco fez?

O que adianta treinar de portões fechados, se não apresentamos nenhuma mudança tática?

Estamos mal, precisam mudar.

Quando fizemos 1 X 0, não vibrei, ao contrario fiquei apreensivo, com medo. Não tinha a firmeza em saber que o placar poderia aumentar. Tinha medo do time ceder o empate.

Quando o flamengo faz o primeiro gol, não dá alegria, dá preocupação.
Meus amigos Flamenguistas, vocês devem estar estranhado, pela primeira vez, eu escrever flamengo com f minúsculo. Só fiz assim porque esse é o flamengo, perdedor, dessa diretoria, esse não é nosso FLAMENGO, grande, gigante e vencedor.

Diretoria que contrata, contrata, contrata, tem 83 jogadores ativos e 23 emprestados, num total de 106 jogadores profissionais, inscritos no BIRA da Federação, e não consegue montar um time, a altura do nosso querido clube.

Diretoria que esquece as tradições do Mais Querido e coloca uma faixa azul, na entrada do clube. Ignorando as cores vermelha e preta. É brincadeira.

É uma Lástima

Eleitores, as eleições estão ai, precisamos de mudanças urgentes.

A única coisa que fazemos sozinho sem interferência é VOTAR.

Não esqueçam, usem a consciência, o voto é único e exclusivamente TEU.

Se estão gostando, reelejam essa diretoria e temos uma grande possibilidade de pela primeira vez, na vida do clube, descermos para a segunda divisão.

Se não estão gostando, esse é o momento de mudar.

Não façam como os Brasileiros.

E se arrependam depois.

Ainda é hora.

“Quem sabe faz a hora não espera acontecer”. Já dizia um grande cancioneiro brasileiro.

Ward Gusmão
Sócio Proprietário/Conselheiro

Nenhum comentário: