Pesquise no Flamengo Eternamente

Pesquisa personalizada

quinta-feira, 18 de setembro de 2008

Kanela - Grande nome do Basquete do Flamengo

Togo Renan Soares, mais conhecido como Kanela, (João Pessoa, 22 de Maio de 1906 -- 12 de dezembro de 1992), revolucionou a história do basquete brasileiro e rubro-negro acabando com a "seca" de títulos. Antes de se tornar técnico, foi jogador de pólo aquático e futebol do Botafogo, já no Flamengo foi técnico de futebol e foi responsável pela revelação do zagueiro Domingos da Guia, trabalhando fora dos campos em 1948 abandonou os campos, e se tornou técnico de basquete no Flamengo. Foi nesse esporte que Togo se tornou o maior técnico de todos os tempos no Brasil. Treinou o Flamengo entre 1948 à 1970 e ganhou doze estaduais, destacando-se o decampeonato estadual do Rio de Janeiro de 1951 à 1960.

Em 1954 chegou a seleção, venceu dois mundias da FIBA de Basquete, em 1959 batendo a URSS na final e em 1963 batendo os Estados Unidos na final. Ainda foi vice campeão mundial duas vezes em 1954 e 1970 e medalha de bronze nos Jogos Olímpicos de 1960. Kanela, também levou a medalha de bronze no mundial de 1967, e nos Jogos Pan-Americanos foi vice em 1963 e terceiro em 1951 e 1959, ainda garantiu 5 Copas Américas em 1958, 1960, 1961, 1963 e 1971. Ao todo comandou a seleção, em 103 jogos (87 vitórias e 16 derrotas) em 14 competições oficiais. É tão fácil lembrar de Kanela por seus títulos, quanto pelas cenas antológicas que acabou protagonizando nas quadras. Uma delas inspirou Nelson Rodrigues a escrever a crônica "O tapa cívico", narrando a bofetada desferida em um árbitro de quem duvidava da imparcialidade durante o Mundial do Uruguai em 1967. Faleceu dia 12 de Dezembro de 1992 no Rio de Janeiro. Seu nome foi dado ao ginásio de basquete da Gávea, em uma justíssima homenagem. Em 2007, junto com Oscar Schmidt e Hortência entrou para o Hall da Fama da FIBA e em 2008, foi indicado para o Hall da Fama do basquete mundial.

2 comentários:

Rui Moura disse...

Uma curiosidade de Kanela: antes da consagração no basquetebol do Flamengo e do Brasil, Renan Kanela foi treinador campeão do polo aquático do Botafogo sem... saber nadar!!! Era realmente notável!

Saudações esportivas

RIVER BRASIL disse...

Outra curiosidade: ele foi tio do apresentador Jô Soares.