Pesquise no Flamengo Eternamente

Pesquisa personalizada

domingo, 9 de agosto de 2009

Zagalo - O Formiguinha do Flamengo


Alagoano de Maceió, o ex-jogador Zagallo foi criado no Rio de Janeiro e deu ínicio á sua carreira nos idos de 1950 jogando como ponta-esquerda pelo saudoso América RJ.
Bastante jovem, em 1951 transferiu-se para o Flamengo e passou a se projetar no futebol brasileiro. Foram sete anos na Gávea, período em que atuou em 217 partidas vestindo o Manto. Ao lado de craques como Evaristo, Dida e Joel, formou no Flamengo um ataque que manteve uma hegemonia no futebol carioca durante a década de 50. Foi ainda tricampeão carioca no Rubro-Negro, conquistas que fizeram com que o Mário Jorge Zagallo ganhasse uma vaga na Seleção Brasileira. Com ele o Brasil inovou taticamente e jogou em 1958 no esquema 4-3-3, pois Zagallo era um ponta esquerda que recuava para ajudar no meio-de-campo.
Era o armador pela esquerda, o desafogo da defesa, o idealizador do contra ataque, o ajudante no lateral, o formiguinha do time brasileiro campeão do mundo em 1958. Nessa Copa e na seguinte (1962) deixou na reserva Pepe, grande astro do Santos e companheiro de Pelé, além de desbancar o badalado Canhoteiro do São Paulo.
No ano em que se sagrou campeão mundial pela primeira vez, trocou o Mais Querido do Brasil pelo rival Botafogo que tinha nomes como Garrincha, Didi e Nilton Santos. Ficou no clube de General Severiano até pendurar as chuteiras no ano de 1965, antes disso porém, ainda conseguiu faturar o bicampeonato Carioca de 1961 e 1962 pelo clube da estrela solitária.

2 comentários:

Lara Monsores disse...

Grande Velho Lobo, aquele que nos fez engolir e apreciar pratos de títulos, gols e honestidade, acima de tudo!

SRN!

Warley Morbeck disse...

É isso ai, Lara