Pesquise no Flamengo Eternamente

Pesquisa personalizada

terça-feira, 15 de fevereiro de 2011

Kléberson: apenas algumas palavras



Muitos acham que o Kléberson foi um jogador qualquer no Flamengo. Apenas mais um com grife que não rendeu o esperado e deu prejuízos... E concordo em partes. Não quero ser "viúva de jogador" e até gostei muito da saída dele, mas é preciso dar valor à historia rubro-negra.

Essa não foi a primeira vez que ele foi dispensado do clube. Em 1994 ele foi cortado de uma peneira. Desde então, até o início de 2008, quando estreou no Mais Querido, ele foi multicampeão europeu e importantíssimo na campanha do pentacampeonato de 2002.Mas o que tudo isso importa?

Mostrando um futebol instável, sem muito destaque e errando 6 a cada 5 passes que dava, ele escreveu seu nome na história e repetiu seu trajeto de títulos e glórias que obteve na europa. Seus 125 jogos, 18 gols e 19 assistências não impressionam muito (mesmo sendo volante), mas quem vai tirar o nome dele dos nossos capítulos de glórias? 

Ao todo, Kléberson jogou por 3 anos e ganhou 2 Cariocas (2008 e o Penta-Tri em 2009) e o Hexa, mesmo jogando apenas metade dos jogos. Kléberson se machucou no início de agosto e só voltou contra o Goiás, naquele inesquecível empate sem gols no Maraca.




Kléberson está longe de ser ídolo, assim como está longe de ser um qualquer. Talvez, aquele show que ele deu com Ibson sobre os Porcos no Maraca seja a única lembrança digna de Kléberson que temos. Ele mesmo deve saber disso. Mas ainda sim, desequilibrou partidas e nos deu vitórias importantes.

Muitos escreveram suas histórias no Flamengo em livros. Já outros, apenas em alguns capítulos. Muitos escreveram suas histórias em pequenos parágrafos, outros usaram somente algumas frases. Kléberson usou apenas algumas palavras, mas que estão registradas nos mais belos capítulos de nossa história. 

Obrigado, Kléberson!

*************************

@RenatoCroce (Alexi Lalas)

2 comentários:

TORCIDA FLAMANOLOS disse...

Primeiramente, valeu pela moral. Fiquem à vontade pra postar nossos textos.

Sobre Kléberson, não podemos ter memória curta e só ver o que ele não fez. Como disse, mesmo que com algumas palavras, ele deixou sua marca nos momentos mais importantes da nossa história. Só tenho a agradecer.

Abraços!

@RenatoCroce (Alexi Lalas)

CorVo disse...

Bela postage! Concordo com tudo, se sua passagem não foi brilhante, também não foi péssima. Em alguns jogos ele nos salvou de derrotas. Acho que ele vai se dar bem no Atlético, e obrigado pelos serviços prestados!
@corvoth

http://fla6.blogspot.com/2011/02/100-menos-matematica-e-mais-futebol.html