Pesquise no Flamengo Eternamente

Pesquisa personalizada

terça-feira, 12 de abril de 2011

Os 10 Mandamentos - Por Igreja Flamengo

1) Amar ao FLAMENGO sobre todos os outros clubes
“Amarás o Senhor Rubro-Negro e o Flamengo com toda sua força, sua alma e seu coração” (RN 10,1);

2) Repetir o santo nome do FLAMENGO sempre e em qualquer ocasião 
“O Flamengo é nossa religião, quão poderoso é teu nome em todo o reino rubro-negro , por isto, deve ser sempre aclamado” (RN 10,2);

3) Guardar domingos e dias de jogos 
“Guardarás o dia de domingo para santifica-lo e honrarás os dias de missa festiva” (RN 10,3);

4) Honrar a torcida e a instituição FLAMENGO 
“Jogadores dêem toda a sua garra e entreguem-se por completo durante os jogos, pois é isto que se espera de quem veste o manto sagrado; este é o sacrifício para o qual foram chamados e assim serão felizes e eternamentes lembrados” (RN 10,4);

5) Ajudar ao Flamengo a sacrificar seus os adversários em nosso Templo Sagrado: o Maracanã 
“O Senhor Rubro-Negro se fará presente com toda a sua plenitude ao ouvir o Flamengo ser louvado e glorificado durante os cultos e, assim, sacrificará os mascotes adversários oferecendo suas carniças aos urubus”(RN 10,5);

6) Não ter outro time e nem virar casaca 
“Não pecar contra o próprio manto, usando ou glorificando o de outrem”(RN 10,6);

7) Ganhar de forma limpa, só com a força da nação, mas mandar o juiz ladrão direto para o inferno
“Não roubarás! Não há necessidade! O Flamengo poderá ser sempre superior contando apenas com a força de seus devotos; mas esses, também, não deverão aceitar mansamente a atuação de árbitros mal-intencionados, é preciso exigir justiça, sem entretanto apelar para qualquer violência” (RN 10,7)

8)Falar mal de qualquer outro time e nunca do Flamengo 
“Jamais testemunhar a favor de outro clube, exceto quando a vitória de qualquer um deles beneficiar o Flamengo.” (RN 10,8);

9) Respeitar um irmão Rubro-negro como a ti mesmo 
“Não levantarás falso testemunho contra um Flamenguista e respeitarás um outro rubro-negro como a ti mesmo” (RN 10,9);

10) Não cobiçar os títulos alheios – afinal teremos sempre os mais significativos 
“Bem-aventurados aqueles que sabem compreender que por vezes alguns campeonatos podem ser entregues a outros para que possamos compreender pela derrota a importância da vitória e, entendendo esse mistério, saberão que os principais títulos estarão sempre do lado rubro-negro” (RN 10,10);


Pastor JEFF

Um comentário:

JEFF disse...

Obrigado ao Flamengo Eternamente pela honra de novamente publicar um texto meu por aqui.
#Orgulho

FLAmém!
@IgrejaFlamengo